Poética

São esses pequenos pedaços que você deixa dentro de mim depois que a gente ama que eu antropofagizo e construo uma personalidade. Não que eu não exista sem você, mas eu me moldo com suas secreções, que lançam um Aristóteles no meu útero.

Poesia não tem sexo, nem cor, nem autor, mas seus poemas todos são assinados, as primeiras páginas dos seus livros tem seu nome, e as obras que me dá nunca vem sem dedicatória. Poesia é isso que a gente faz, quando a gente se une e não tem mais homem-mulher-ativo-passivo-macho-fêmea-dominador-presa nessa coisa que é pele na pele e respirações gemidas ofegantes no pé da orelha. Poesia não tem sexo, mas a gente sim. A gente tem o sexo que fazemos pra poetar na fumaça do cigarro, pra dizer que é tudo sentimento que explode. Sentimento é orgasmo, meu amor?

“É Osváldi! Com V e acento no A”. Ele sobreviveu aos tiros-facadas-pedradas-afogamentos de Barthes e é isso que você procura hoje na minha casa. Tem medo de mim, de eu ser seu Roland, de te matar quando você for embora, por isso enche minhas estantes de você, por isso enche meus instantes de você. Medo infundável da morte, eterna busca pela eternidade. Eternos somos nós, pobres mortais, que nunca lemos os clássicos, nunca entendemos os gregos, mas continuamos pendurados na sala, na foto de casamento que o menino aponta e fala “alá vovó”. Eternos são os seus silêncios, os seus rabiscos, suas criações, seus “me deixa em paz que um poeta precisa pensar”.

Quando você vai embora, sua poesia continua aqui dentro, intacta na parede, no chão, nas fundações. É porque quando você vem você me olha assim, me pega assim, me lambe assim, me come assim… goza uma poética dentro de mim.

Anúncios

Sobre Buendía

"Eu faço samba e amor até mais tarde e tenho muito sono de manhã" Ver todos os artigos de Buendía

Uma resposta para “Poética

  • G.H.

    é dificil comentar com todos os pudores sociais incrustados na gente…mas vc lindamente se livra, pisa, lava com sabão em pó e acaba com eles todinhos quando chama gozo de poética. e é poético exatamente por ser.
    foda!
    maravilha!
    se chico buarque era muito macho por conjugar, Buendía o é por falar de utero desse jeito…!

eu li e...

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: